Publicidade

Publicidade

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

RAFAEL LACERDA É CANDIDATO A PRESIDENTE DA CÂMARA COM APOIO DA BARCA

O vereador Rafael Lacerda (PSD) protocolizou ontem sua candidatura a Presidente da Câmara com apoio formal dos 5 vereadores do grupo da Barca (Toinho Filho, Véi de Vitor, Bruno Fidibei, Ogier e Jânio), apesar de ter sido eleito no campo político adversário, do candidato a prefeito derrotado em outubro Keno de Dedé (PSD).

O acordo foi selado na chácara do candidato a prefeito eleito Romualdo Setúbal (PP) no dia 23, sexta-feira. A chapa 2 tem Rafael como presidente, Toinho Filho como vice, Véi de Vitor 1º Secretário e Ogier 2º secretário. A chapa conta com os votos declarados também de Jânio e de Bruno Fidibei, formando maioria para vencer a eleição no dia 01/01/2017.

A chapa concorrente tem apenas o vereador Eloinho (PSDC) como candidato a presidente. Ainda não se sabe o posicionamento dos vereadores  Ori, João Paulo, Pastor João e Robertinho.


sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

DISPUTA PELA PRESIDÊNCIA DA CÂMARA VIRA O FOCO DA POLÍTICA SANTARRITENSE

Vereadores Ogier e Ori
 Com a impossibilidade de Romualdo (PP), eleito prefeito em outubro, de assumir dia 1º de janeiro, a eleição para presidência da Câmara de Vereadores passou a ser o principal assunto em Santa Rita de Cássia. O barqueiro continua impedido pela Justiça Eleitoral de ser diplomado, por ações bens sucedidas do chamado "Grupão" no Judiciário baiano. E, com isso, o presidente da Câmara eleito dia 1º se torna o prefeito do município.

O novato vereador Ogier (PP) conta com o apoio dos demais vereadores eleitos do seu lado político: Toinho Filho (PP), Véi de Vitor (PP), Jânio (PP) e Bruno Fidibei (PRB). No entanto, precisa de mais um voto, o que não fácil diante do acirramento eleitoral vivido este ano.

Do outro lado ainda não há um candidato definido, mas o atual presidente da Câmara Ori (PTN) é o principal articulador e manobra para ser novamente eleito, contando com os 5 votos de seus colegas de campo político: Rafael Lacerda (PSD), Robertinho (PSL), João Paulo (PSDB), Pr. João (PSDB) e Eloinho (PSDC).

Essa é a nova batalha da política santarritense na disputa pelo poder.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

POR 3 VOTOS A 2, TRE-BA IMPEDE ROMUALDO DE ASSUMIR DIA PRIMEIRO

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) decidiu por 3 votos a 2 manter Romualdo inelegível por conta das contas rejeitada pelo TCM-BA do ano de 2011, embora haja sentença judicial anulando a rejeição das contas. Romualdo venceu as eleições em outubro deste ano em Santa Rita, porém ainda não foi diplomado e, portanto, não pode tomar posse dia 01/01/2017.

O placar estava 2 a 2 no TRE-BA desde ontem de manhã, quando a juíza Patrícia Cerqueira Kertzman pediu vistas. Hoje a juíza votou acompanhando o relator e desempatou. Com o resultado, resta a Romualdo recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília.

Perdurando essa situação até o dia 01/01/2017, quem assumirá provisoriamente a Prefeitura será o presidente da Câmara eleito no mesmo dia. Caso Romualdo vença no TSE, que deverá julgar o caso em 2017, ele assume o governo. Se perder, serão convocadas novas eleições.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

ELEITORES DE ROMUALDO PROMETEM PROTESTAR AMANHÃ CONTRA MOROSIDADE DA JUSTIÇA ELEITORAL

Eleitores que votaram em Romualdo (PP), eleito em outubro para prefeito de Santa Rita de Cássia, organizam um protesto para amanhã, dia 13, às 16h, com concentração em frente ao Educandário, na Praça Frederico Fidelis, indo até a Igreja Nossa Senhora de Fátima.

O objetivo da manifestação é demonstrar contrariedade contra o que chamam de "perseguição política" contra o barqueiro. Querem que a Justiça Eleitoral respeitem o resultado das urnas.

Um recurso de Romualdo está para ser julgado no TRE-BA desde outubro. Está na pauta para o dia 15/12. Romualdo precisa ser diplomado para poder tomar posse dia 01/01/2017. Caso isso não ocorra até o dia 19 próximo, o presidente da Câmara eleito no primeiro dia de 2017 assume provisoriamente a Prefeitura até que seja transitado em julgado o processo no TSE, com Romualdo assumindo o governo ou marcação de novas eleições.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

PRÓXIMA SEMANA DECISIVA PARA SABER QUANDO ROMUALDO TOMA POSSE

A semana que vem promete ser decisiva para os santarritenses saberem se Romualdo, eleito em outubro com quase 9.600 votos, tomará posse no dia 1º de janeiro de 2017 ou se a indefinição continuará até uma decisão final do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília. Está marcado um julgamento para o dia 14 próximo em Salvador, mas sempre com possibilidades de adiamento, como ocorreu no último dia 5, segunda-feira.

A diplomação dos eleitos em Santa Rita está marcada para o dia 13, mas Romualdo não poderia ser diplomado sem antes resolver o problema do seu registro, empacado em Salvador.

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) está há 2 meses sem julgar os Embargos de Declaração de Romualdo contra a decisão do Tribunal de indeferir sua candidatura no dia 4 de outubro, dois dias após ser eleito pelo povo de Santa Rita. De lá para cá, o Barqueiro conseguiu uma vitória no Tribunal de Justiça da Bahia, que anulou a sua rejeição de contas pelo TCM-BA e pela Câmara. 

PRESSÃO POLÍTICA E NOVAS ELEIÇÕES
Especula-se que o grupo do candidato derrotado, Keno de Dedé (PSD), vem utilizando toda a sua força política em Salvador para manter Romualdo inelegível, mesmo, em tese, ele não podendo ser considerado Ficha-Suja, pois inexiste contas rejeitadas por conta de decisão judicial. A intenção do chamado Grupão é adiar ao máximo o julgamento do registro do barqueiro e colocar um aliado na Prefeitura no dia 1º de janeiro. E, vencendo a peleja judicial, ter a oportunidade de disputar uma nova eleição em Santa Rita de Cássia ainda no primeiro semestre de 2017.

BONFANTTI EMPOSSA CONCURSADOS NA PREFEITURA DE FORMOSA

O prefeito de Formosa do Rio Preto, Gérson Bonfantti, empossou na terça-feira, 06, um grupo de concursados do município que lutavam na Justiça para serem efetivados ao quadro de funcionários da municipalidade. Os servidores prestaram concurso público em 2009, porém a administração da cidade mantinha nos postos de trabalho funcionários temporários, o que impedia a nomeação dos concursados.

Fonte: Zda

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

FIM DO GOVERNO JOAQUIM GERALDO: SALÁRIOS SERÃO PAGOS?

Faltando 23 dias para entregar o cargo ao sucesso, o prefeito de Santa Rita de Cássia-BA, Joaquim Geraldo, finaliza seu melancólico mandato sem nenhuma obra inaugurada e ainda possui muitos servidores municipais com salários atrasados. Lembrando que neste mês ainda é devido o pagamento de décimo-terceiro aos funcionários.

Há a promessa de entregar os salários quitados ainda em dezembro, mas poucos acreditam nessa possibilidade, pois há funcionários com salários de setembro ainda sem pagamento e há dúvida se o próprio salário de dezembro será pago dentro do mês, tendo em vista que foi prática do atual governo pagar apenas no quinto dia útil do mês subsequente, às vezes até passando disso.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

VEREADOR ORI COTADO PARA SER O PRÓXIMO PREFEITO DE SANTA RITA

Fonte: Mural do Oeste

Subiu na cotação o nome do vereador Ori - atual presidente da Câmara Municipal de Santa Rita - como próximo prefeito da cidade. Explico: A eleição de Santa Rita continua sem vencedor. Romualdo ganhou nas urnas mas a justiça eleitoral zerou os seus votos e ele permanece na condição de inelegível. 
Romualdo recorreu ao TRE mas perdeu por unanimidade e entrou com um recurso tentando reformar a decisão. A votação começou nesta terça-feira e Romualdo já amargava um voto contra quando um juiz pediu vistas e o julgamento foi adiado para a próxima terça-feira, 13 de dezembro. Se a tendência se mantiver e Romualdo mais uma vez for derrotado, muito provavelmente não haverá tempo para sua diplomação e nem para posse, só lhe restando recorrer a Brasília. 

Se chegar janeiro e a parada não tiver definitivamente resolvida, o novo presidente da Câmara será empossado como prefeito  interinamente até que a justiça eleitoral tome uma decisão colocando um ponto final na peleja.

O amigo leitor e amiga leitora devem se perguntar: e onde entra o vereador Ori neste cenário? Respondo: Ori é o mais cotado para ser o novo presidente da Câmara e se isso vier a se confirmar, ele, automaticamente, será o prefeito de Santa Rita de Cássia.

Depois do resultado da votação no TRE na próxima terça-feira  poderemos ter uma sinalização um pouco mais clara do que vai acontecer na política de Santa Rita de Cássia. Aguardemos pois.

VEM AÍ O 5º ENCONTRÃO DO FUTEBOL SANTARRITENSE